Você sabe porque as vacas são sagradas na Índia?

Em várias religiões o gado é visto como sagrado, como o hinduísmo, jainismo, e zoroastrismo. As religiões anteriores ao Antigo Egito, Grécia Antiga e Roma Antiga também tinham crenças bem parecidas. Em algumas regiões, especialmente em alguns estados da Índia, o abate de bovinos é totalmente proibido e sua carne pode ser um tabu.

Desde os tempos antigos, a vaca tem sido um símbolo de riqueza, mas, não eram tão intocáveis e veneradas da mesma forma que são hoje.

As vacas foram inicialmente veneradas provavelmente porque os Hindus dependiam desses animais para consumo de leite e derivados, para lavrar os campos e por seu esterco, fonte de combustível e fertilizante.

Devido a essas necessidades que eram supridas pelas vacas, ela ganharam status de zeladora e levou a ser identificada como uma figura quase maternal (daí o termo gau mata).

Antigamente, as pessoas com poder aquisitivo eram poucas, mas as vacas já eram valorizadas como o ouro ou o dinheiro.

Religião

Para o hinduísmo, matar qualquer animal é considerado um grande pecado, pois a religião é baseada no conceito da onipresença do Divino, e a presença de alma em todas as criaturas, incluindo os bovinos. Eles acreditam que ao matar o animal, o ciclo natural do nascimento e morte dessa criatura estaria sendo desfeito e o animal precisaria renascer na mesma forma por causa de sua morte não natural.

Existem mais vacas na Índia do que em qualquer outro país. Estimasse que a Índia tenha mais de 281 milhões de vacas, ou seja, quase 29% da população mundial de vacas em apenas um país,

Para você ter uma ideia, nos Estados Unidos existem apenas cerca de 100 mil vacas. A população indiana de vaca é maior do que a população de cães e gatos, nos E.U.A. Além disso, é considerado ainda maior do que a população de carro, que também é consideravelmente muito grande nos Estados Unidos. Em 2009 foram contabilizados mais de 246 milhões de carros.

FONTE: Wikipédia
ASSINE NOSSA NEWSLETTER

REDES SOCIAIS

Parceiro