Por que a água do oceano é salgada?

A crosta e o interior do planeta foram os principais responsáveis pela origem dos sais na água do mar. O intemperismo químico das rochas da crosta terrestre libera íons como sódio, magnésio, cálcio, potássio e estrôncio. Estes íons são lixiviados para os rios, sendo posteriormente transportados para o oceano.

A outra fonte de sais para a água do mar é a atividade vulcânica que lança gases na atmosfera. Essas substâncias são carreadas para a superfície do oceano diretamente através das chuvas ou indiretamente através dos rios. Além disso, devido ao calor do magma, a água fria que infiltra no assoalho oceânico é aquecida e troca elementos químicos com o basalto marinho.

Ao retornar para a coluna de água, esse novo fluido também aporta sais no ambiente oceânico. Ao longo do tempo geológico, os constituintes químicos menos reativos acumularam-se na água do mar e atingiram seu equilíbrio, dando origem a grande quantidade de sais dissolvidos existentes na água do mar.

Esse equilíbrio dinâmico é conhecido como balanço geoquímico dos oceanos, tendo sido alcançado a centenas de milhões de anos atrás. O fato do equilíbrio ser dinâmico significa que, anualmente, a mesma quantidade de sais aportada no oceano é removida para a formação de sedimentos.

A água do mar de todo o mundo tem uma salinidade próxima de 35, o que significa que, para cada litro de água do mar há 35 gramas de sais dissolvidos, cuja maior parte é cloreto de sódio.

A água do mar não tem salinidade uniforme ao redor do globo. A água menos salina do planeta é a do Golfo da Finlândia, no Mar Báltico. O mar com maior salinidade é o Mar Morto, no Médio Oriente, onde o calor aumenta a taxa de evaporação na superfície e há pouca descarga fluvial.

oceano

Os maiores responsáveis pela salinidade da água mar são os rios. Apesar de a água deles não ser salgada, eles são os que mais desgastam as rochas e retiram delas os seus sais minerais, depositando tudo nos oceanos. Afinal, a imensa maioria dos rios existentes no planeta deságua em algum mar.

Dois bilhões de anos atrás, graças à influência do oxigênio, o mar começou a desenvolver as características físico-químicas que tem hoje. Esse processo teria continuado até 200 milhões de anos atrás, quando os mares adquiriram a composição atual, da qual 85% correspondem a cloreto de sódio.

FONTE (S): Rosalinda Montoni, professora do Instituto Oceanográfico da USP / Wikipédia
VEJA ESSES ARTIGOS TAMBÉM: