Conheça os vários tipos do sentimento amor

Conheça os vários tipos do sentimento amor

Muitas pessoas sentem que estão amando, mas não sabem definir ao certo o tipo desse amor. Por isso, iremos te ajudar a identificar o tipo de sentimento o qual está passando com o seu companheiro. Veja a lista dos vários tipos de significados do sentimento amor.

Amor platônico

É qualquer tipo de relação afetuosa ou idealizada em que se abstrai o elemento sexual, por vários gêneros diferentes, como em um caso de amizade pura, entre duas pessoas. Amor platônico também pode ser um amor impossível, difícil ou que não é correspondido.

Amor incerto

Você não sabe o que esperar do seu parceiro(a) e está sempre incerto(a). Fica sempre com a impressão de que há algo a ser dito. Você está sempre com aquela incerteza do que o outro sente e se esse relacionamento tem futuro. Esse é um sentimento constante entre você e seu parceiro? Tem aquela impressão de que sempre tem algo para falar, mas não fala esperando que o outro lado diga algo que te deixe segura, esse é um amor incerto.

Amor romântico

Os românticos constroem um melancólico e nostálgico mundo imaginário, e trazem como principais características um distanciamento da realidade social, experiência da perda e procura pelo que se perdeu; a poesia e o amor se tornam a própria vida.

Amor narcisista

Narcisismo é o amor de um indivíduo por si próprio ou por sua própria imagem, uma referência ao mito de Narciso. O egoísmo reina e o gosto do outro não importa, apenas suas próprias satisfações e necessidades.

Amor comprometido

Algumas almas gêmeas se encontram e decidem fazer seu plano de vida, juntamente com toda a energia colocada no relacionamento.

Amor incondicional

Amor incondicional significa amor pleno, completo, absoluto, que não impõe condições ou limites para se amar. Quem ama de forma incondicional não espera nada em troca. O amor está em primeiro lugar. O amor incondicional é generoso, altruísta e infinito. É o típico “amor de mãe”, que é dado livremente, independente do que recebe de volta.

Amor imediato

Aquele que resulta de um impulso passional e tem por objetivo o prazer. O amor à primeira vista. Aquele que é expressa pelos ‘explosões apaixonadas’ e busca o prazer compulsivamente.

Amor possessivo

Quando você não dá a seu parceiro um minuto para respirar sozinho e acreditam que o seu grande amor ‘pertence’ somente a você.

Amor intenso

Cuja manifestação acontece com muita força, intensidade ou vigor; em que há abundância: temporal intenso; sofrimento intenso. Que transcende o considerado normal; além do grau habitual; excessivo: tarefa intensa.Uma relação em que todos os espaços até o ponto de “ser um fardo” são invadidos. Tenha cuidado, esse tipo de amor pode se tornar obsessivo.

Amores ideal

O amor romântico, paixão, imediata ou comprometimento. Eles são todos os tipos, alguns ideais, alguns não tão perfeito.

Amor sem tempo

O pior inimigo das relações. Quando não se tem tempo pra nada e, se ele existe, é preferível fazer algo produtivo de trabalho do que apenas desfrutar da vida a dois. O pior inimigo dos relacionamentos. Na sociedade de hoje o tempo tem sido um grande inimigo, muitos preferem trabalhar do que estar com seu parceiro.

Amor asfixiante

Tudo bem consentir alguns exageros, mas nunca é demais controlar a dose. Vale a pena para entrar um pouco, mas não se esqueça de ter reservas no amor e oferecê-lo na dosagem exata.

Amor ‘problema’

Quando se tem mais histórias ruins do que boas para contar sobre o seu amor, e, finalmente, passar mais tempo sozinho seja mais confortável do que juntos. Aquele amor que não agrega nada.

Amor amigo

Aquele amor de quem cuida, se gosta, se ajudam, se aconselham, um amor de querer ver o outro bem.

Amor confuso

Tem todos os sintomas pra dar certo, mas quando chega a hora de falar o que sentimos percebemos que tudo está errado e que de repente pode não ser amor. Dúvidas vivem pairando naqueles que vivem um amor confuso.

Amor virtual

Nunca se viram, mas se apaixonaram somente pelo contato pela internet, elevando ao amor.

Amor Eros

O amor Eros representa o amor sexual, carnal, repleto de paixões inebriantes, a pura atração física, que manifesta o instinto de união e reprodução.

Amor próprio

O amor próprio é o amor que as pessoas têm por si mesmas. Muitas vezes as pessoas, por causa de fraquezas antigas, de crises mais recentes, não conseguem defender seus interesses para satisfazer suas necessidades. É um grande tema da psicologia e da psicanálise, já que faz parte do cotidiano dos profissionais destas áreas.

Amor distante

Aqueles que sobrevivem a longas distâncias porque se amam de verdade. Não é um amor muito fácil, mas que superar a distância e ausências.

Amor incondicional

Amor sem limites, amor para com os filhos, amor eterno, exemplificando, o amor de mãe.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

REDES SOCIAIS

Parceiro