Conheça o homem que salvou 669 crianças durante o Holocausto

Nicholas Winton Holocausto

Conheça o homem que salvou 669 crianças durante o Holocausto

Nicholas Winton nasceu em 19 de maio de 1909 na cidade de Hampstead e faleceu em Slough no dia 1 de julho de 2015.. Winton foi um britânico que organizou o resgate de 669 crianças em sua maioria judias na antiga Checoslováquia durante o Holocausto, antes que elas pudessem ser enviadas para os campos de concentração nazistas, salvando-as da morte em 1939, antes do início da Segunda Guerra Mundial.

Em 1938, Winton se juntou com Martin Blake, um amigo que estaria envolvido em um trabalho humanitário com judeus. Winton percebeu que não sabia como salvar as vidas das crianças, então, criou sua própria organização para ajudá-las dos riscos que corriam. Winton então entrou em contato com Refugee Children’s Movement (RCM), em Londres, para conseguir alojamento e a quantia de dinheiro que o governo Britânico requisitava como garantia para aprovar a entrada dos refugiados europeus perseguidos pelo nazismo.

E em novembro de 1938, a Câmara dos Comuns do Reino Unido aprovou uma medida que permitia a entrada de refugiados com idade inferior a 17 anos, desde que tivessem lugar para ficar e que fosse depositado £50 como garantia de pagamento de um bilhete para eventual retorno ao país de origem. Logo o boato se espalhou e começaram a aparecer grandes quantidades de famílias que queriam incluir seus filhos na lista que possivelmente os salvariam dos nazistas.

Winton nunca revelou esse trabalho humanitário à ninguém, mas 50 anos depois, sua esposa, Greta, descobriu no sótão de sua casa uma pasta que continha a lista de todas as crianças que foram salvas e cartas para os pais delas.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

REDES SOCIAIS

Parceiro