As 20 curiosidades surpreendentes sobre Adolf Hitler

Hitler nasceu na Áustria e se considerava alemão, fez parte do partido nazista e morreu em 1945; é um dos homens mais conhecido do século XX.

Hitler tinha uma aparente ternura, um carisma muito grande com o povo alemão, que se misturava com um ódio implacável. O nazismo surgiu das condições sociais da Alemanha nos anos 30, ou seja, mesmo que Hitler não tivesse nascido, ainda assim existiria o nazismo.

1. Erro de grafia no nome

O correto era para ser “Hiedler”, mas o secretário do cartório onde o pai de Adolf foi mudar seu nome entendeu o sotaque de Alois (pai dele) como “Hitler”, visto que as regras de grafia da língua não tinham se formado completamente.

2. Hitler não era alemão

Hitler, era filho de um funcionário de alfândega de uma pequena cidade fronteiriça da Áustria com a Alemanha e nasceu na Áustria.

Ele defendia o pangermanismo, onde que pregava que a Áustria e a Alemanha deveriam ser um país só, pelo fato de serem terras historicamente habitadas pelos povos germânicos. O Reino da Áustria-Hungria seria dividido em diversos outras nações com sua derrota na Primeira Grande Guerra.

3. Brigas com seu pai

Hitler teve algumas divergências com seu pai, pois ele não admitia que Hitler trabalhasse como pintor de quadros, mas, após a morte de seu pai, Hitler trabalhou por vários anos na cidade alemã de Munique como pintor.

4. Voluntário do exército

Hitler se alistou voluntariamente para lutar pela Alemanha na Primeira Guerra Mundial, onde foi grande destaque durante a guerra.

5. Promoção

Como Hitler não era alemão, e sim um estrangeiro, não pode ser promovido a cabo, mesmo que tenha lutado com bravura durante os 4 anos de guerra.

6. Mensageiro

Adolf Hitler atuou num dos ofícios mais difíceis da guerra, o de mensageiro. Foi baleado na perna uma vez, recebendo uma medalha de honra especial para ferimentos em batalha.

7. Combate e aliança

Hitler e Mussolini lutaram na I Guerra em lados opostos, um pelos Impérios Centrais, e o outro pela Entente Cordiale, à qual a Itália se aliaria no meio da guerra. Benito Mussolini também foi voluntário na guerra.

Por ironia do destino, ambos se aliariam na Segunda Guerra Mundial, e com o Império do Japão, formariam o Eixo.

8. Perseguição

Com o tempo, Hitler começou a culpar os judeus pela capitulação alemã Primeira Guerra, assim como muitos outros alemães.

9. Escolha do nome do partido

Hitler ajudou na escolha do novo nome do partido, que posteriormente viria a se chamar Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães.

10. Cumprimento nazista

Hitler copiou de Mussolini a saudação nazista, na qual se diz “Heil Hitler!” e se estende o braço direito com a mão espalmada. Historiadores afirmam que pode haver uma origem germânica no gesto, o que teria justificado seu uso.

11. Campanha contra o cigarro

Adolf Hitler tinha repulsa pelo cigarro, no entanto que a primeira campanha governamental contra o cigarro foi feita a mando de Hitler pelo governo nazista, sendo considerada a mais eficiente da primeira metade do século XX.

12. Genocídio Armênio

Hitler não foi o primeiro a promover o genocídio de uma população. Os jovens turco-otomanos inauguraram esse horror, com o Genocídio Armênio, durante a Primeira Guerra Mundial.

13. Animal de estimação

Por incrível que pareça, Hitler era apaixonada por cães, pelo menos é o que demonstrava por sua cadela, uma pastora alemã de nome Blondi. Ela era muito companheira e acompanhava Hitler em praticamente todos os momentos de sua vida, até os seus últimos dias. Com medo do fim que levaria a cachorra, mandou que fosse envenenada com uma das cápsulas de cianureto que ele mesmo tomaria, para testá-las. Alguns minutos depois ele se mataria.

14. Esposa

Adolf Hitler, se casou 36 horas antes de morrer, no bunker, um esconderijo subterrâneo. A esposa foi Eva Braun, amante de muitos anos de Hitler. Ele tinha medo de se casar pois acreditava que isso poderia atrapalhar o seu comando do Reich.

15. Sucessor

O sucessor do Reich de Hitler foi Joseph Goebbels, mas este se suicidaria, com sua mulher, Magda Goebbels, algumas horas após deixá-lo no comando. Ele havia sido, desde o início do III Reich, Ministro de Propaganda Nazista.

16. Capa da Revista Time

Por incrível que pareça, Hitler foi eleito o “Homem do Ano” em 1938 pela famosa e conceituada revista norte-americana Time. Posteriormente, os editores devem ter se arrependido do título dado.

17. Vegetariano

Hitler era vegetariano, não porque ele queria poupar a vida dos animais, mais sim porque ele acreditava que as verduras ajudavam em uma melhor digestão do alimento. Imagino como ele pensava. “Mate judeus, não vacas”. Credo.

18. Traidor

Heinrich Himmler, comandante da Waffen-SS e de diversas outras instituições nazistas, além de Ministro do Interior, em 1945, tentou fazer paz com os Aliados Ocidentais e juntar-se a eles contra a União Soviética. Porém, falhou, mas mesmo assim, foi considerado como um traidor por Adolf Hitler.

19. Quase um imortal

Hitler teria sobrevivido a um total de 42 atentados contra sua vida. Teve mais vidas que um gato.

20. Suicídio

Em 30 de abril Adolf Hitler se suicidou em seu bunker. A autópsia confirmou que ele se suicidou com uma cápsula de cianureto (dada por Heinrich Himmler) e com um tiro na boca. Ordenou que queimassem seu corpo, junto com o de sua mulher, para não ter o mesmo destino de Mussolini, e ter seu corpo exposto em praça pública.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

REDES SOCIAIS

Parceiro