As 13 curiosidades estranhas sobre o filme Poltergeist

Poltergeist, no Brasil conhecido como Poltergeist – O Fenômeno é um filme estadunidense que fez muito sucesso em 1982, do gênero terror, escrito e produzido por Steven Spielberg e dirigido por Tobe Hooper.

O filme teve ainda duas sequências: Poltergeist II – o Outro Lado (1986) e Poltergeist III – O Capítulo Final (1988). Depois de 25 anos de Poltergeist os produtores queriam fazer a 4 edição do filme, porém misteriosamente foi cancelado.

Veja então os fatos estranhos ocorridos durante as gravações e anos depois com os personagens e a equipe da produção.

1. Primeira morte

A jovem atriz Dominique Dunne que interpretou o papel de Dana, a filha mais velha da família morreu em novembro de 1982 enforcada pelo namorado John Sweeney. Ele era um ajudante de cozinha que trabalhava no mais requintado e famoso restaurante de West Hollywood, o Ma Maison. John era uma pessoa completamente ciumenta, principalmente após o grande sucesso do filme.

John invadiu a casa de Dominique e a estrangulou. John foi preso e condenado a apenas 6 anos de prisão e ficou somente 3 anos. Caso estranho.

2. Segunda morte

A atriz que ficou muito famosa após interpretar a pequena Carol Anne nos três filmes da série, Heather O’Rourke morreu em 1988 com apenas 12 anos de idade.

Heather foi diagnosticada com a Doença de Crohn, que é uma infecção gastrointestinal que afeta a parte inferior do intestino delgado e o intestino grosso. A atriz mirim iniciou então um tratamento com remédios muito fortes, no qual a deixava com o rosto inchado, isso é perceptível principalmente no terceiro filme da série.

Heather sofreu uma parada cardíaca e acabou morrendo horas depois no hospital. Os familiares da menina chegou a entrar com uma ação contra o hospital, pois alegaram que o diagnóstico teria sido errôneo, e que a atriz não teria a Doença de Crohn, e um bloqueio no intestino que se diagnosticado com antecedência poderia ter sido resolvido com uma cirurgia.

Heather O Rourke poltergeist

3. Fatos estranhos

Outros fatos estranhos também ocorreram com as pessoas envolvidas com os filmes, foi a da atriz Zelda Rubinstein que fez o papel da médium Tangina Barrons. Ela relatou que durante uma seção de fotos promocionais para Poltergeist III, aparece uma estranha fumaça em uma das fotos, depois ela contou que a tal foto foi tirada no exato momento em que sua mãe morreu.

Zelda Rubinstein poltergeist

4. Sufocamento

Um das cenas mais assustadoras do filme é onde o filho da família está sendo estrangulado por um boneco de palhaço. porém, após o lançamento do filme, um acidente ocorreu de verdade, onde Oliver estava se sufocando de verdade, mas a equipe de filmagem não notou o ocorrido, e que realmente estaria ocorrendo um sufocamento onde Oliver quase morreu.

palhaco de poltergeist

5. Esqueletos humanos

Acreditasse que os fatos estranhos que ocorreram nas filmagens e após seria seria devido uma maldição, devido os produtores teriam adquirido esqueletos reais de humanos, uma vez que o custo seria mais barato do que os de plásticos.

Então, a teoria seria a de que os espíritos das pessoas as quais os ossos pertenciam foram responsáveis pelas tragédias e acontecimentos bizarros que ocorreram com as pessoas envolvidas com o longa, mas, Tobe Hooper e Steven Spielberg jamais falaram sobre essa suposta teoria.

esqueletos reais poltergeist

6. Reverendo

Durante as filmagens de Poltergeist II, o ator Julian Beck, que interpretava o reverendo Henry, morreu de câncer.

Julian Beck reverendo em poltergeist

7. Trilha sonora

Para que os gritos de Dominique Dunne (última na imagem a direita) não fossem ouvidos enquanto estava sendo estrangulada por seu ex-namorado, ele colocou a trilha sonora de Poltergeist no volume mais alto.

Dominique Dunne poltergeist

8. Índio

O ator Will Sampson, que interpretou um índio nativo que ajudava a família no segundo filme, morreu por complicações em um transplante de coração e uma forte subnutrição um ano após as gravações.

Will Sampson indio poltergeist

9. Quadros

A atriz que interpretou a mãe da família, JoBeth Williams relatou um episódio muito estranho. Ela disse que um certo dia chegou em casa e todos os quadros de sua decoração estavam tortos. Vendo aquela cena ela naturalmente os arrumou, mas, no dia seguinte quando chegou do trabalho os quadros voltaram a ficar tortos, e isso foi se repetindo por várias vezes. Em entrevista na época, a atriz disse que não tinha como outra pessoa fazer aquilo.

JoBeth Williams poltergeist

10. Terremoto

A família Freeling se muda pra uma nova casa, aparentemente é uma casa muito aconchegante e familiar, porém ocorrem eventos muito estranhos no decorrer da trama. Mas, na vida real a casa no qual foi gravado o filme foi quase totalmente destruída por um terremoto anos depois das filmagens.

casa poltergeist

11. Sarcoma de Ewing

O diretor Brian Gibson da continuação do filme, Poltergeist II faleceu em 2004, não escapando da maldição do filme. Ele era portador da doença sarcoma de Ewing que é um tumor ósseo.

Essa doença é raramente encontrada em adultos, sendo mais comum na faixa etária dos 5 aos 25 e dependendo do lugar a idade pode variar de 5 a 25 anos.

Brian Gibson
Foto:: Columbia Pictures

12. Shirley Maclane

A cobiçada e famosa atriz de Hollywood, Shirley Maclane recusou o papel da primeira trama de Poltergeist, pois sua agenda era incompatível com o filme na época. Ela optou por fazer Laços de Ternura em 1983, onde contava com um grande elenco, sendo os principais Jack Nicholson e Danny Devito. Especulasse que ela tenha recusado o papel devido a um receio de abrir possíveis portais para outras dimensões.

Shirley Maclane recusou o papel em poltergeist

13. Acidente aéreo

O ator Richard Lawson, que interpretou Ryan na primeira trama curiosamente sobreviveu a um acidente aéreo no dia 22 de março de 1992, onde morreram 27 pessoas. O avião caiu logo após sua decolagem e o USAir flight 405 caiu nas águas de Long Island.

Richard Lawson poltergeist

FONTE: Tudo sobre seu filme
VEJA ESSES ARTIGOS TAMBÉM:

Deixe seu comentário

Clique aqui para deixar um comentário